Seguidores

Pesquisar este blog

PARA SALVAR AS IMAGENS, CLIQUE NAS IMAGENS PARA VISUALIZAR MELHOR.

1. Escolha a imagem;
2. Clique no botão direito do mouse;
3. Escolha a opção “Salvar Imagem Como ...”
4. Escolha o local a ser salvo a imagem;
5. Clique em salvar e pronto.

segunda-feira, 6 de março de 2017

Planejamento Anual de Ensino de Arte Berçário I/II, Maternal I/II





INSTITUIÇÃO: 
MUNICÍPIO: 
TURMAS:  Berçário I, Berçário II, Maternal I e Maternal II
TURNO:
PROFª: 
DIREÇÃO: 
COORDENAÇÃO:
ANO: 2012

ÁREA DE CONHECIMENTO: ARTE

TURMA: Berçário I

JUSTIFICATIVA

Esta fase é marcada pelo toque corporal, pelo tom de voz e expressão, ou seja, todas estas (re)ações constituem ponte para que o bebê ao observá-las possa interagir e agir sob o meio cultural que o cerca. Deste modo, atividades criativas são importantes canais de possibilidades de aprendizagem.

CONTEÚDOS

Ampliação do conhecimento de mundo manipulando e explorando diferentes objetos e materiais como texturas, tecidos, massinha de farinha de trigo, tinta a base de anilina e trigo, etc; Observação e identificação de imagens diversas;
Estimulação verbal, através de conversas, audição de músicas, sons de brinquedos, etc;
Estimulação visual, através de objetos coloridos, vídeos e livros de histórias com sons e coloridos;
Incentivo e estimulação com brinquedos de encaixe;
Músicas com gestuais e cantigas de roda;
Incentivo à oralidade com músicas, histórias, conversas, etc;
Estimular a autonomia e identidade através do reconhecimento da imagem (atividade com espelho);

OBJETIVOS:
·         Transmitir ambiente acolhedor e seguro;
·         Trabalhar capacidades expressivas;
·         Desenvolver formas alternativas de consciência corporal;
·         Desenvolver formas alternativas de locomoção;
·         Relação de independência com o ambiente vivido;
·         Explorar e utilizar movimentos de preensão, encaixe, lançamento, etc;
·         Expressar sensações e ritmos corporais através do gestual e linguagem oral;
·         Desenvolver a audição, percepção e descriminação das diversas manifestações sonoras

AVALIAÇÃO

A avaliação será contínua, levando em consideração os processos vivenciados pelas crianças, constituindo-se em um instrumento de reorganização de objetivos, conteúdos, procedimentos, etc. Todo este trabalho será feito através de observação e registro dos progressos dos pequeninos.


TURMA: Berçário II

JUSTIFICATIVA

Fase marcada pela descoberta gradual da percepção da gerência das próprias ações através do meio que o cerca. Assim, as atividades para esta fase, devem ser pontuadas com oportunidades em que as crianças possam gradualmente dirigir suas próprias ações, ou seja, as crianças aprendem sobre sí mesmas, suas próprias competências e estabelecem uma relação de interação e confiança com o outro mais próximo, aprendendo desta forma a lidar com com a realidade.

CONTEÚDOS

Estimulação verbal, através de conversas, audição de músicas, sons de brinquedos, contos de histórias curtas, etc;
Incentivo a garatujas através de trabalhos manuais como pintura com lápis de cor, giz de cera e tinta guache;
Estímulo a traçados simples para coordenação motora;
Estimulação tátil com trabalhos manuais com massinhas e argila;;
Reconhecimento visual e tátil através de objetos coloridos, vídeos e livros de histórias com sons e coloridos;
Incentivo e reconhecimento de brincadeiras com brinquedos do tipo encaixe e monta-desmonta;
Apresentação de cores;
Músicas com gestuais e cantigas de roda;
Brincadeiras de imitação;
Incentivo à oralidade procurando ampliar o vocabulário com músicas, histórias, conversas, etc;
Realizações de pequenas ações cotidianas para que obtenha autonomia gradualmente;
Brincadeiras livres na sala, no parquinho, para que possa escolher objetos, e espaços agradáveis, etc;
Estimular a autonomia e identidade através do reconhecimento da imagem (atividade com espelho);
Interagir socialmente por intermédio de brincadeiras e jogos que estimulam a criança trocar objetos;
Respeito a regras, limites e boas maneiras, etc;
Participação e interesse em situações que envolva a interação social;


OBJETIVOS
·         Transmitir ambiente acolhedor e seguro;
·         Trabalhar capacidades expressivas;
·         Desenvolver formas alternativas de consciência corporal;
·         Relação de independência com o ambiente vivido;
·         Explorar e utilizar movimentos de preensão, encaixe, lançamento, etc;
·         Expressar sensações e ritmos corporais através do gestual e linguagem oral;
·         Desenvolver a audição, percepção e descriminação das diversas manifestações sonoras;
·         Promover o desenvolvimento da coordenação motora grossa da criança;
·         Dar ênfase à musicas, parlendas, contos, historietas, rimas, conversas para o desenvolvimento da linguagem oral, etc;
·         Brincar;
·         Expressar desejos, sentimentos, necessidades, sentimentos, etc;
·         Relacionar-se progressivamente com seus pares e os demais;
·         Conhecer gradualmente seu próprio corpo, seus limites, sensações, etc


TURMA: Maternal I 

CONTEÚDOS
.
Exploração e produção de materiais e a escuta de obras musicais;
Imitação de sons vocais, corporais ou produzidos por instrumentos musicais;
Participação em brincadeiras que tenha músicas e jogos cantados sem esforço vocal;
Interagir com brinquedos e objetos sonoros de percussão como guizos, chocalhos, blocos, sinos, tambores, etc;
Explorar sons corporais como palmas, batidas nas pernas, pés, etc;
Explorar a presença do silêncio como valorização do som;
Escuta de emissoras de rádio para trabalhar a relação som e silêncio;
Participação em jogos cantados como parlendas, acalantos, advinhas, etc;
Utilização de diversos instrumentos de percussão como xilofones, tambores, chocalhos, etc
Ampliação do conhecimento de mundo manipulando e explorando diferentes objetos e materiais como texturas, tecidos, massinha de farinha de trigo, tinta a base de anilina e trigo, etc;
Observação e identificação de imagens diversas;
Utilização de instrumentos e materiais diversos como papéis, tintas, pincéis, lápis, cola, etc;
Oferecimento de sucatas que possam ser empilhadas, encaixadas, justapostas, etc, em atividades de jogos de construção;
Atividades com desenho e pinturas realizadas com marcas gráficas em diferentes superfícies permitindo variadas possibilidades de impressão, inclusive no próprio corpo;
Representação da própria imagem, sentimentos e experiências corporais;
Utilizar diferentes tipos de objetos para imprimir imagens como pincéis, escovas de dentes, dedos, esponjas, canudos, carimbos, penas, giz de cera, gravetos, palitos,conta-gotas, cotonetes, pentes, barbantes, etc;
Identificar os cuidados necessários como o contato com o próprio corpo e com o corpo dos outros nas atividades trabalhadas nesse conteúdo, principalmente boca, olhos, nariz, pele, quando do manuseio desses materiais, instrumentos e objetos para que não provoque nenhum dano a saúde da criança;
Cuidados com materiais de uso individual e coletivo;
Representações em desenho livre ou de foi observado;
Estabelecer relações⁄comentários por meio de apreciações com seu universo coa pessoas, animais, cenas familiares, formas, linhas, etc;

OBJETIVOS
·         Incentivar e desenvolver o hábito de desenho, estimulando assim a fantasia da criança.
·         Estimulação de confecção de brinquedos através da sucata.
·         Estimular a coordenação da criança e a criatividade com o uso da argila e massinha.

ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS
As atividades serão desenvolvidas de forma coletiva e individual com as crianças, respeitando o seu ritmo de desenvolvimento.
Durante o ano letivo serão elaborados diversos projetos didáticos para trabalhar os conteúdos em destaque.
Serão elaborados relatórios descritivos da aprendizagem e da participação das crianças durante a realização dos projetos didáticos e entregues a Coordenação Pedagógica.
Utilização de lápis, pincéis, cola com muito incentivo, estimulando a criança através de elogios.
Serão utilizados diversos materiais didáticos para trabalhar os conteúdos com as crianças tais como: sucata e a criatividade do professor.
Apresentação de argila e massinha.

AVALIAÇÃO

Avaliação será contínua, através da observação diária da criança no desempenho de suas atividades, no relacionamento com os colegas e com a professora. O instrumento de avaliação será um registro descritivo do desempenho da aprendizagem e da participação das crianças durante as atividades propostas.

      TURMA: Maternal II          

JUSTIFICATIVA

            As artes visuais expressam, comunicam e atribuem sentido às sensações, sentimentos , pensamentos e realidade por meio da organização de linhas, formas , pontos, tanto bidimensional, como tridimensional, além de volume, espaço, cor e luz na pintura, no desenho , na escultura, na gravura, na arquitetura, nos brinquedos, bordados e etc. O movimento, o equilíbrio, o ritmo, a harmonia, o contraste, a continuidade, a proximidade e a semelhança são atributos da criação artística.
            A expressão através da arte é uma conquista pré-histórica, ela oportunizou comunicações daquela época ao homem de hoje. O desenho, a pintura, a criação, a construção são formas iguais de interação social; comunicam sentimentos. A proposta de trabalhar com artes visuais no Maternal II é permitir à criança pequena o contato com diversos materiais que podem ser explorados e usados como expressão livre do pensamento.

CONTEÚDOS

Exploração e produção de materiais e a escuta de obras musicais;
Imitação de sons vocais, corporais ou produzidos por instrumentos musicais;
Participação em brincadeiras que tenha músicas e jogos cantados sem esforço vocal;
Interagir com brinquedos e objetos sonoros de percussão como guizos, chocalhos, blocos, sinos, tambores, etc;
Explorar sons corporais como palmas, batidas nas pernas, pés, etc;
Explorar a presença do silêncio como valorização do som;
Escuta de emissoras de rádio para trabalhar a relação som e silêncio;
Participação em jogos cantados como parlendas, acalantos, advinhas, etc;
Utilização de diversos instrumentos de percussão como xilofones, tambores, chocalhos, etc
Ampliação do conhecimento de mundo manipulando e explorando diferentes objetos e materiais como texturas, tecidos, massinha de farinha de trigo, tinta a base de anilina e trigo, etc;
Observação e identificação de imagens diversas;
Utilização de instrumentos e materiais diversos como papéis, tintas, pincéis, lápis, cola, etc;
Oferecimento de sucatas que possam ser empilhadas, encaixadas, justapostas, etc, em atividades de jogos de construção;
Atividades com desenho e pinturas realizadas com marcas gráficas em diferentes superfícies permitindo variadas possibilidades de impressão, inclusive no próprio corpo;
Representação da própria imagem, sentimentos e experiências corporais;
Utilizar diferentes tipos de objetos para imprimir imagens como pincéis, escovas de dentes, dedos, esponjas, canudos, carimbos, penas, giz de cera, gravetos, palitos,conta-gotas, cotonetes, pentes, barbantes, etc;
Identificar os cuidados necessários como o contato com o próprio corpo e com o corpo dos outros nas atividades trabalhadas nesse conteúdo, principalmente boca, olhos, nariz, pele, quando do manuseio desses materiais, instrumentos e objetos para que não provoque nenhum dano a saúde da criança;
Cuidados com materiais de uso individual e coletivo;
Representações em desenho livre ou de foi observado;
Estabelecer relações⁄comentários por meio de apreciações com seu universo coa pessoas, animais, cenas familiares, formas, linhas, etc;

OBJETIVOS:

·         Incentivar e desenvolver o hábito de desenho, estimulando assim a fantasia da criança.
·         Estimulação de confecção de brinquedos através da sucata.
·         Estimular a coordenação da criança e a criatividade com o uso da argila e massinha.

- Atividades artísticas :

Massinhas diversas, experiências com areia (ou barro) e água, desenho sobre diversos tipos de papel (inclusive celofane e lixa), pintura (de dedos, com rolo e pincel), colagem (papel, tecido, sucata, folhas, lã e etc), mosaico, recorte e colagem, rasgadura, dobradura, moldagem (massinha pronta ou de farinha e argila), confecção de jogos e brinquedos com sucatas, confecção de máscaras e fantasias, confecção de maquetes etc.


AVALIAÇÃO

A avaliação será contínua, levando em consideração os processos vivenciados pelas crianças, constituindo-se em um instrumento de reorganização de objetivos, conteúdos, procedimentos, etc. Todo este trabalho será feito através de observação e registro dos progressos dos pequeninos.




Um comentário:

Obrigada pela sua visita em meu Blog! Deixe um comentário!

CANAL PEDAGÓGICO

Comente:

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também