Tradutor

Postagens animadas Canal Pedagógico

O que é isso?

FanPage

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Você é a favor da escola de tempo integral para o ensino básico?

PARA SALVAR AS IMAGENS, CLIQUE NAS IMAGENS PARA VISUALIZAR MELHOR.

1. Escolha a imagem;
2. Clique no botão direito do mouse;
3. Escolha a opção “Salvar Imagem Como ...”
4. Escolha o local a ser salvo a imagem;
5. Clique em salvar e pronto.

Converter em PDF

Send articles as PDF to

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

domingo, 18 de janeiro de 2015

Projeto didático Identidade



PROJETO DIDÁTICO
TRABALHANDO A IDENTIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL


INSTITUIÇÃO:
MUNICÍPIO:
TURMAS:Maternal II
TURNOS:
PROFª:
DURAÇÃO DO PROJETO:
INÍCIO:
COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA
DIREÇÃO PEDAGÓGICA:
AREAS DE CONHECIMENTO: Linguagem Oral/Escrita, Identidade/Autonomia e Música

JUSTIFICATIVA:
A construção da identidade se dá por meio das interações da criança com o seu meio social. A escola é um universo social diferente da família, favorecendo novas interações, ampliando desta maneira seus conhecimentos a respeito de si e dos outros. A auto-imagem também é construir a partir das relações estabelecidas nos grupos em que a criança convive. Um ambiente farto em interações, que acolha as particularidades de cada indivíduo, promova o reconhecimento das diversidades, aceitando-as e respeitando-as, ao mesmo tempo em que contribui a construção da unidade coletiva, favorece a estruturação da identidade, bem como de uma imagem positiva.
Segundo o Referencial Curricular Nacional para Educação Infantil, a identidade é um conceito do qual faz parte a idéia de distinção, de uma marca de diferença entre as pessoas a começar pelo nome. Segundo todas as características físicas, de modo de agir, de pensar e da história pessoal.
Segundo Emília Ferreira, “o nome próprio pode ser considerado apenas como uma palavra a mais, mas também singular muito diferente das outras palavras em muitos aspectos”.
Portanto, nós, professores de educação infantil, devemos propiciar atividades que possibilitem os estudantes a ter o conhecimento de si mesmo, levando-os a descobri-los, sentindo que possuem um nome, uma identidade e que fazem parte de um conjunto de pessoas em casa, na escola, na comunidade e que acima de tudo são muito importante.

OBJETIVO GERAL:
Dar condições as crianças para aprender o seu nome próprio, conhecer as suas características físicas (cabelo, pele, partes do corpo, cor dos olhos etc.) através de uma prática lúdica visando contribuir para o desenvolvimento integral da criança no processo de ensino-aprendizagem, favorecendo os aspectos físicos mental, afetivo-emocional e sócio- cultural, buscando estar sempre condizendo com a realidade dos educandos.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
Criar estratégias de ensino que levem as crianças à:
·         Conhecer o seu nome e suas características físicas ( corpo);
·         Ampliar gradativamente suas possibilidades de comunicação e expressão;
·         Desenvolver e explorar a produção da arte através do desenho, música e brincadeiras;
·         Interessar-se pelas próprias produções, pelas de outras crianças e pelas diversas obras artísticas;
·         Desenvolver a auto-estima;
·         Reconhecer seus limites e dos outros;
·         Desenvolver o auto conceito positivo através da afetividade;
·         Explorar e identificar elementos da música para se expressar, interagir com os outros e ampliar seu conhecimento do mundo;
·         Incentivar a criança a se relacionar com outras pessoas, sentindo-se segura e construindo sua identidade e autonomia;
·         Apreciar o próprio nome e dos colegas;
·         Chamar os colegas pelo nome;
·         Distinguir o próprio nome entre os nomes dos colegas;
·         Desenvolver atividades lúdicas envolvendo os nomes dos colegas, através de músicas; 
·         Desenvolver a coordenação motora fina/grossa;
·         Conhecer as cores;
·         Conhecer as suas roupas e sapatos;
·         Aprender a tirar e vestir a sua roupa;
·         Aprender a colocar e tirar o sapato;
·         Conhecer os seus materiais escolares;

METODOLOGIA ( Procedimentos Didáticos):

Serão desenvolvidas diversas atividades relacionadas com o tema em destaque tais como:

1ª Atividade (em sala)
Formar uma roda de conversa para dialogar com as crianças sobre a importância do nome, mostrando diversas fotos de crianças negras, brancas, japonesas, louras e etc.; conscientizando-as sobre a importância do respeito e da valorização com as diversas raças e etnias.
Será argumentado com as crianças sobre a mistura de raças e cultura de cada um:
 -Você se parece com alguma das crianças da cena?
-E seus colegas de turma? 
-Quais são as semelhanças? -E as diferenças?
Levar os alunos para se olhar no espelho: Nessa atividade será destacado que cada criança é única apesar de apresentar semelhanças com outras pessoas.
Colocar as crianças diante de um espelho e estimular a observação de suas características. Incentivá-las a perceber e a identificar as semelhanças e as diferenças de cada um.

2ª Atividade (extra sala)
Brincar de “Vamos passear no bosque?”, trocar a palavra Lobo pelo nome da criança. Cantar músicas para trabalhar o nome de cada criança

3ª Atividade (em sala)

Fazer o contorno do corpo da criança no papel Kraft, para que o grupo complete o desenho com as partes do corpo. Em seguida, as crianças irão recortar papéis coloridos para fazerem roupinhas e colarem no corpo desenhado. O corpo deve ficar “parecido” com a criança. Depois irão desenhar cabelos, olhos, boca e nariz.

4ª Atividade (em sala)
Fazer um autorretrato do rostinho das crianças para colar nas maçãs de nossa árvore fixada na parede de nossa sala de atividades.

5ª Atividade (em sala)
Fazer contorno da mão das crianças. Pintar as mãos das crianças para “carimbá-las” no papel pardo juntamente com a foto do rosto de cada criança e o nome.
Ainda, serão trabalhadas atividades de pinturas no sulfite, papel pardo com o tema em destaque.

RECURSOS DIDÁTICOS
Papel craft (pardo), Cola, Tesoura, Papéis coloridos, Canetinha, lápis de cor, giz de cera, lã, tinta guache, sulfite, CDs, aparelho de som, aparelho de televisão, brinquedos, etc. 

AVALIAÇÃO
A avaliação será por meio de registro através da observação diária da criança no desempenho de suas atividades, se houve concentração, interação com as atividades e colegas durante a execução desse projeto.

REFRERÊNCIA:
BRASIL, Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Formação Pessoal e Social, v.2,  Brasília, MEC/SEF, 1998.

Projeto didático "Volta às Aulas



Projeto didático "Volta às Aulas"






Instituição:
Município:
Tema: Volta às Aulas
Turma:  Maternal II
Turno: Matutino/Vespertino
Professora: Claudia de Oliveira Andrade
Duração do Projeto: 1 semana        
Início      Término:
Direção:
Coordenação Pedagógica:


Áreas de Conhecimento: Linguagem Oral,  Movimento, Identidade e Autonomia Pessoal

 Conteúdos: contos infantis; diálogo, ambiente educacional infantil, adaptação escolar, cantigas infantis, brincadeiras, expressão corporal e relações sócio-afetivas.

Justificativa:

O retorno a rotina escolar merece atenção tanto no planejamento e organização das diretrizes quanto na produção das atividades para os estudantes. E, para garantir uma excelente volta às aulas foi elaborado este projeto didático para acolher com qualidade a turma neste ano novo letivo, atendendo as necessidades básicas dos estudantes  (emoções) relacionadas com o ambiente institucional de ensino infantil.  
O Referencial Curricular Nacional de Educação Infantil (1988, Vol. 1, p. 21-22), diz que “As crianças constroem o conhecimento a partir das interações que estabelecem com as outras pessoas e com o meio em que vivem. O conhecimento não se constrói em cópia da realidade, mas fruto de intenso trabalho de criação, significação e ressignificação”.
Os estudiosos, entre eles o psicopedagogo Lev Semenovitch Vygotsky e o filósofo Michel de Montaigne, afirmam que a criança aprende interagindo com o meio ambiente, com outras crianças, com as pessoas à sua volta e com o mundo sob a orientação de adultos ou outros parceiros mais experientes.
Ao entrar na instituição de educação infantil, a criança defronta-se com um mundo a desvelar, mas com ela existe um outro mundo de histórias da sua família, experiências e socializações. E para o desenvolvimento da criança o professor deve mediar essa fase nova para ela, tornando-a prazerosa e rica em descobertas.
Contudo, é de suma importância que o professor proponha atividades com sentido, reais e desafiadoras para as crianças, que sejam, pois, simultaneamente significativas e prazerosas, incentivando sempre a descoberta e a criatividade durante o período letivo na instituição de ensino infantil.

Objetivo Geral:

Criar estratégias didáticas que possam favorecer o desenvolvimento da linguagem oral e a sociabilização durante o período de adaptação da criança no meio ambiente  educacional infantil.

Objetivos Específicos:
Levar os estudantes à:
- Conhecer a escola como um ambiente onde todos têm algo a oferecer;
- Despertar o gosto pelo Centro educacional infantil e pela freqüência as aulas;
- Conhecer as pessoas que trabalham no Centro educacional;
- Identificar os materiais que utilizamos no CMEI;
- Promover o diálogo entre estudante/professor e estudante;
- Desenvolver a expressão corporal e a linguagem oral;

Procedimentos Didáticos ( Metodologia)
As atividades serão desenvolvidas de forma coletiva e individual com a interação professor/estudante/estudante.
Serão formadas as rodinhas da conversa, cantigas e contos infantis.
Será feito um passeio pela instituição de ensino para que as crianças conheçam as dependências da mesma. Promoverá conversas com alguns profissionais que trabalham na escola sobre as suas funções.
Algumas atividades serão desenvolvidas em sala e outras extra sala.

Atividades programadas por áreas de conhecimento:

Linguagem Oral
- Cantigas;
- Roda da leitura (contos infantis);
- Diálogo informal com as crianças;

Movimento:
- Amarelinha;
- Brincadeiras de roda,
- Brincadeiras de equilíbrio  corporal;
-  Brincadeiras com obstáculos;
-  Atividades com músicas e diferentes sons;
- Andar, correr e saltar;
- Brincadeiras com bonecas, carrinhos, ursinhos etc.
- Boliche;
- Lençol furado.

Identidade/Autonomia Pessoal
- Desenvolver a interação entre as crianças/professores;
- Proporcionar e valorizar a amizade;
- Elevar a auto-estima e o respeito pelo ambiente escolar;
- Conhecer o seu nome e identificar o nome dos seus colegas;
- Brincadeiras com bonecas, carrinhos, ursinhos etc.
- Passeio pelas dependências da instituição de ensino;
- Tirar/colocar o sapato;
- Conhecer os seus objetos de uso pessoal e coletivo (roupas, escova de dente, pente, copo, sapatos, mochila etc.

Recursos Didáticos:
Boliche, bolas, bonecas, carrinhos, CDs, aparelho de som, Aparelho de televisão, jogos de encaixe pedagógico, boliche etc. 

Avaliação:
A avaliação será por meio de registro por parte do professor sob forma de observação do desenvolvimento da aprendizagem e da participação dos estudantes tanto individual quanto coletiva durante as atividades propostas na realização deste projeto. Este projeto será acompanhado pela direção e coordenação pedagógica dessa instituição de ensino.

Referência Bibliográfica:

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto.Secretaria de Educação Fundamental.Referencial Curricular Nacional para a educação Infantil. Introdução vol.1. Brasília: MEC, 1998.

                                 Professora

                                                                                                    ................................................................................

Comente:

Comentários Recentes

Atividades recentes

Gostou? Compartilhe !!!

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...